The Chariot - "One Wing" (2012)

SolitudeAeternus
Metálico(a) Compulsivo(a)
Mensagens: 470
Registado: terça jul 08, 2008 6:46 pm
Localização: Setúbal, Portugal
Contacto:

The Chariot - "One Wing" (2012)

Mensagempor SolitudeAeternus » sábado nov 03, 2012 9:07 pm

"Caos. Caos como o que os The Dillinger Escape Plan provocaram no mundo quando vieram ao mundo. Juntar uma série de influências (nomeadamente hardcore e noise rock) e desmantelá-las por completo, virá-las do avesso e voltar a montá-las. Isto tudo com a voz de Josh Scogin, ex-Norma Jean, a romper tímpanos do início ao fim. Se o ouvinte destemido que ouvir este álbum fechar os olhos, de certo que vai imaginar a banda aos pulos e encontrões em cima de um palco do tamanho de uma folha A4. Sufocante no mínimo.
Quando as duas primeiras músicas, "Forget" e "Not", acabam - elas que são praticamente uma, temos a sensação que já passaram quinze minutos mas afinal foram só pouco mais de cinco. É necessária pausa para um pequeno momento à capella por parte de uma voz feminina que faz sentido, mas também, aqui, o que é não faz sentido? Num sítio onde não existem regras, quebrar as regras é o que faz mais sentido. E por falar nisso, em "First", temos mais de metade da música convertida em modo Enio Morricone quando fazia bandas-sonoras para filmes de Western Spaghetti. I shit you not!
Emocional e intenso, quer nas faixas mais ruidosas ("In" dá-nos pancada dentro do corpo como se quisesse nos rasgar as entranhas) quer nas mais calmas - como a "Speak", apenas com piano e a voz enraivecida de Scogin, ou na Tounges que mistura as duas, o piano, a voz e um riff monstruoso que se cola à cabeça e não quer sair mais de lá.(...)

Ler a review completa em: http://www.metalimperium.com/2012/10/th ... eview.html

Avatar do Utilizador
Ricardo Gonçalo
Metálico(a) Inspirado(a)
Mensagens: 238
Registado: domingo out 14, 2012 1:37 pm
Localização: Quinta do Conde

Re: The Chariot - "One Wing" (2012)

Mensagempor Ricardo Gonçalo » sábado nov 03, 2012 9:32 pm

Brutal brutal brutal. Já ouvi 3 vezes. Está demais... Mas sinto que faltou ali um final mais á maneira. De resto dou nota máxima a este album.


Voltar para “Arquivo 2012 - 2003”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Google [Bot] e 2 visitantes